Malafaia segue Bolsonaro e Edir Macedo e faz pouco caso do coronavírus

O líder religioso afirmou que: "A igreja tem que ser o último reduto de esperança para o povo"


4 meses atrás | Caio Rangel



Pastor Silas Malafaia

O pastor Silas Malafaia disse que por enquanto não há motivo para todo esse pânico generalizado que está acontecendo no Brasil por causa do coronavírus.

A exemplo do presidente Jair Bolsonaro que chomou o Covid-19 de “fantasia”, e do líder da Igreja Universal bispo Edir Macedo que chamou a pandemia de “mentira de satanás e da imprensa”, Malafaia mais uma vez se manifestou a respeito da doença.

O pastor usou o seu perfil do Twitter para publicar um vídeo encorajando os seus fiéis a irem para igreja.

+ Diretoria do Gideões anuncia nova data para realização do congresso

Malafaia fez uma oração e pediu para que as pessoas repetissem. O clamor pedindo a Deus para que o vírus não se espalhasse pelo Brasil durou 15 minutos.

“Repita essa oração comigo: ‘Que esse vírus seja destruído da nossa nação pelo poder do nome de Jesus. Nós te pedimos que esse vírus não consiga fazer desgraça no nosso país’”, disse.

O posicionamentodo pastor acabou  gerando críticas na internet. “É hora de evitar aglomeração”, disse um internauta.

Logo no início do vídeo Malafaia falou da importância de manter o templo aberta para os fiéis e afirmou que a igreja precisa ser o último reduto de esperança para o povo.

“A nossa igreja aqui vai ficar de portas abertas. Se amanhã, os governos disserem que vai [sic] impedir transporte público, fechar mercados, fechar todas as lojas. A igreja tem que ser o último reduto de esperança para o povo. Eu vou estar aqui, como pastor”, disse o pastor.

+ Denúncia: Pastor com mais de 100 anos de idade é acusado de estupro de vulnerável

Entretanto, ele resaltou a importância da prevenção e disse também que irá colocar álcool gel para os fiéis na porta da igreja.

“Nós não estamos subestimando nada. A doença é real, o vírus é real. Temos que estar antenados. Mas você tem que tomar muito cuidado para não entrar numa neura louca”.




publicidade

Mais artigos

Professora é investigada por dizer que homossexualidade é “pecado”

Ela fazia uma leitura do conceito de heteronormatividade, criado por Michael Warner em 1991, que se refere à homossexualidade como “desvio”, “crime”, “aberração”, “doença”, “perversão”, “imoralidade” e “pecado”


Cantor Samuel da dupla “Daniel e Samuel” deixa UTI após sete dias internado

No último dia 7 de julho, o cantor  sofreu um infarto e precisou passar por um procedimento de emergência


Pastor é preso suspeito de cometer abusos sexuais

O religioso teria assediado várias fiéis, incluindo duas adolescentes


Andressa Urach critica cantoras famosas e anuncia seu novo single

Urach se tornou evangélica em 2015, e está prestes a ingressar no ramo da música


Morre com Covid-19 mais um pastor da Assembleia de Deus

O pastor Derly da Silva tinha 53 anos e estava internado há mais de um mês


Yvelise de Oliveira toma atitude inesperada após separação de Elaine de jesus

A empresária Yvelise de Oliveira é dona da MK, gravadora da cantora Elaine de Jesus,


Filho caçula de Eyshila ironiza e pede oração para ganhar acessórios de drag queen

Caso você queira incluir esses detalhes na sua lista de oração. Agradeço, disse Lucas Oliveira a uma seguidora


Terror: Homem invade igreja atira contra quatro pessoas e se mata

Ele chegou na igreja conturbado e disse havia feito uma bobagem


Nova regra pode levar a extinção dos “candidatos oficiais” das igrejas

O ministro Edson Fachin, que compõe o TSE, propôs a inclusão do abuso de poder religioso como crime eleitoral


Aline Barros fará live solidária em prol da AACD

A live acontecerá no próximo sábado (18), com a participação de grandes nomes da música gospel