“É inaceitável uma autoridade presidencial ser confrontada por qualquer ministro”, diz Abílio ao defender Bolsonaro

O parlamentar baiano reforçou o apoio a Bolsonaro e disse que o ego de Moro se sobrepôs aos interesses da nação


5 meses atrás | Caio Rangel



Abílio Santana (Reprodução)

O deputado federal Abílio Santana (PL-BA) se pronunciou sobre o discurso do presidente Jair Bolsonaro na tarde desta sexta e a saída do ex-ministro Sérgio Moro do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

“Os ministros possuem autonomia, o presidente tem a soberania e poder de veto. É diferente. É inaceitável que a autoridade presidencial seja confrontada por qualquer ministro”, ressaltou.

O parlamentar baiano reforçou o apoio a Bolsonaro e disse que o ego de Moro se sobrepôs aos interesses da nação, ao comentar a exoneração de Maurício Valeixo, da PF.

+ Em meio a pandemia, STF julga hoje liberar aborto em casos de microcefalia

“Bolsonaro utilizou a atribuição que lhe confere. De acordo com a Lei, o cargo de Diretor Geral da Polícia Federal, assim como outros cargos de diretoria, é de nomeação e exoneração do presidente da República, portanto não há problema. Não podemos deixar que o ego de Moro e o compromisso consigo mesmo se sobreponha aos interesses da nação” , continua.

Sobre a troca nos ministérios, Abílio pontuou que “ninguém é insubstituível. O Brasil é maior do que qualquer um de nós. Discordâncias e convergências entre seres humanos são normais, mas o governo precisa estar coeso e unificado, sobretudo nesse momento de crise”.

 




publicidade

Mais artigos

É mole? Flordelis pode ganhar R$2 milhões com história da morte do marido

Uma produtora americana teria oferecido U$$ 400 mil dólares pela história


A dura punição da Deus é Amor contra o pastor que agrediu a esposa ao vivo

Em um vídeo, o pastor David Miranda Neto falou sobre o caso, e reforçou o repúdio ao que fez o tal pastor.


Pastor que agrediu esposa ao vivo pode ser preso a qualquer momento

O pastor pode ser enquadrado na Lei Maria da Penha por violência psicológica


Maior ladrão de banco do país vivia como pastor evangélico

Ele foi preso essa semana após uma operação integrada das policias Militar e Civil, na cidade de Tajupá, no interior de São Paulo.


RR Soares “dedura” Eduardo Bolsonaro à Polícia Federal

O depoimento faz parte do inquérito que apura o financiamento dos atos antidemocráticos.


Deputado Otoni de Paula sobre cassinos; “Não posso negociar meus valores”

A aprovação do projeto é do interesse do presidente Jair Bolsonaro


Pastor que agrediu a esposa ao vivo pede perdão

- Eu quero aqui publicamente pedir perdão a minha esposa. - falou ele a ela, que ficou o tempo todo de cabeça baixa.


Sem saber que estava ao vivo, pastor agride a esposa em live

O pastor costuma fazer lives religiosas, com leituras da bíblia e profecias que normalmente atraem um número razoável de pessoas.


Lembra da profecia de Daciolo sobre o Gideões? Com medo de morrer, pastor teria pedido perdão

Daciolo teria o perdoado e orado com ele.


Saiba quem é o pastor que foi encontrado morto em casa de prostituição

O pastor estava na cidade para inaugurar um templo