X
Coronavírus

Morte por coronavírus na família Bolsonaro abala primeira-dama

A avó de Michelle Bolsonaro estava internada desde o dia 1º de julho no Hospital Regional de Ceilândia

Caio Rangel | Publicado em: 12/08/20 às 12:40
Morte por coronavírus na família Bolsonaro abala primeira-dama
Michelle Bolsonaro (Reprodução)

A avó da primeira-dama Michelle Bolsonaro, faleceu nesta quarta-feira (11), no Distrito Federal vítima da Covid-19. Dona Maria Aparecida Firmo Ferreira, de 80 anos, estava internada desde o dia 1º de julho no Hospital Regional de Ceilândia.

A confirmação do óbito veio através do jornal Metrópoles, com informações de Maria de Fátima, filha de Maria Aparecida e tia de Michelle.

“Deus resolveu levar minha mãezinha, não consigo acreditar. Ela lutou tanto, mostrou tanta força, mas não resistiu. Estamos todos muito abalados”,  escreveu Maria de Fátima.

+ Luto: Morre com Covid-19 mais um pastor da Assembleia de Deus

Na última semana a avó da primeira-dama tinha deixado a unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), em Brasília, com uma considerável melhora em seu quadro clínico.

No entanto, dona Maria Aparecida foi transferida novamente para o HRC, primeira unidade onde ela ficou internada.

A idosa continuou com dificuldades para respirar e chegou a ter 78% da capacidade pulmonar comprometida. Ela também manteve a alimentação enteral, por meio de sondas durante todo o tratamento.

+ Edir Macedo é investigado pelo MPF após declaração sobre a Covid-19

Michelle Bolsonaro não se manifestou nas redes sociais sobre a perda da avó até o momento.


Samuel Mariano sobre Manaus; “Eu não tenho cilindro pra dar a ninguém não!

No vídeo que rapidamente circulou nas redes sociais, Mariano parece irritado, e pede que seus seguidores parem de pedir cilindro.


Livro ensina como ser um bom líder de jovens

O livro, "Como ser um bom líder de jovens", já ajudou milhares de lideres em todo o país a ganhar o coração dos jovens e a fazer deles verdadeiros discípulos.


Renalida Carvalho não é mais missionária

Renalida decidiu mudar o título eclesiástico, devido a quantidade de críticas que vinha recebendo nas redes sociais.


Renê Terra Nova “grita” por Manaus

O apóstolo publicou um vídeo pedindo a ajuda dos amigos pastores e famosos do meio gospel


Pastor da Assembleia de Deus em Camboriú é acusado de dilacerar genitália de adolescente

Outras cinco adolescentes haviam sido estupradas pelo pastor, segundo denúncia