Pastor

Bolsonaro e a profecia de 30 de março: Por que o presidente interviu?

A profecia de 30 de março foi feita por um pastor no início do mês.

Redação | Publicado em: 30/03/21 às 8:27 Atualizado em 30/03/2021 08:34
Bolsonaro e a profecia de 30 de março: Por que o presidente interviu?
Pastor da profecia de 30 de marco e o presidente Bolsonaro

Uma controversa profecia feita por um pastor desconhecido da grande mídia dizia que no dia 30 de março muita gente morreria.

Esta profecia tem muita semelhança com a ordem de Moisés para o povo hebreu, quando eram escravos no Egito, e Deus disse que o anjo da morte passaria pela cidade. Então, Moisés ordenou que as pessoas ungissem a porta de suas casas com sangue, pois se elas estivessem com o sinal, o anjo da morte ignoraria e não faria nenhum mal.

A profecia do pastor Ezequias propôs algo muito parecido, além de também orientar que a nação fizesse um jejum no dia 29, um dia antes daquele em que estava prevista a passagem do anjo da morte pela terra.

Coincidência ou não, um grupo de pastores influentes convenceram o presidente Jair Bolsonaro a convocar a nação para um jejum nacional, com o objetivo de pedir a Deus para livrar a nação do caos provocado pela pandemia do novo coronavírus que estamos vivendo.

O jejum foi convocado, milhões de evangélicos seguiram a orientação do presidente conduzidos por seus pastores. Entretanto, nesta terça-feira, 30 de março, não há, até o momento, notícias de que o número de mortes tenha aumentado.

Terá sido esse o resultado da intervenção espiritual do presidente? Será que foi mera coincidência?

Qual a sua opinião? Comente!

 

Após deixar o gospel, Priscilla Alcantara desabafa: “Meu rótulo é livre”

Após algumas críticas pela sua transição, a cantora postou um desabafo em seu perfil do Instagram.


Isadora Pompeo se curva à Globo e grava clipe com Luan Santana

De acordo com informações, a gravação foi feita para a 36ª edição do Criança Esperança.


Pastor da AD Brás tenta silenciar youtuber sobre escândalos da igreja

O pastor afirma que a AD Brás está uma bagunça e que o bispo Samuel Ferreira faz o que quer e não segue mais nenhum protocolo.


Polícia abre inquérito contra pastora por pregação que promove racismo e LGTFobia

Karla Cordeiro deve ser ouvida pela Polícia Civil nesta quinta-feira (05).


Ap. Wesley Alves comemora 21 anos de fundação da AD Londres

A data foi comemorada com um culto de celebração na noite deste domingo (1/8), no templo sede da denominação, em Londres.