Cantora

Flordelis violou a tornozeleira eletrônica 17 vezes, afirma relatório

O relatório também aponta que Flordelis descumpriu a determinação judicial de estar em casa das 23h às 6h.

Caio Rangel | Publicado em: 02/03/21 às 16:23
Flordelis violou a tornozeleira eletrônica 17 vezes, afirma relatório
Flordelis (Reprodução)

A deputada federal e cantora gospel Flordelis mais uma vez está na mira da Justiça. O motivo agora é um relatório da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), do Rio de Janeiro, que apontou que ela deixou de ser monitorada pela tornozeleira eletrônica por pelo menos 11 vezes, entre outubro de 2020 e fevereiro de 2021.

O documento mostrou ainda que o equipamento chegou a ficar desligado por quase 17 horas. A parlamentar deixou de carregar a bateria do equipamento em todas essas ocasiões.

À CNN, o advogado da cantora, Anderson Rollemberg, confirmou a informação e disse que a tornozeleira eletrônica ocasionalmente “dá problema para carregar”. A defesa afirmou ainda que já foi solicitada a troca do carregador do aparelho.

O relatório também aponta que Flordelis descumpriu a determinação judicial de estar em casa das 23h às 6h. Ela esteve fora de casa nesse horário durante 15 ocasiões.

Todas as infrações cometidas pela parlamentar são consideradas, pela secretaria, violações ao uso do equipamento.

Flordelis é acusada de ser a mandante da morte do marido, pastor Anderson do Carmo, e usa o aparelho de monitoramento desde o dia 8 de outubro do ano passado.

Fonte da informação Portal BR104

 

Após deixar o gospel, Priscilla Alcantara desabafa: “Meu rótulo é livre”

Após algumas críticas pela sua transição, a cantora postou um desabafo em seu perfil do Instagram.


Isadora Pompeo se curva à Globo e grava clipe com Luan Santana

De acordo com informações, a gravação foi feita para a 36ª edição do Criança Esperança.


Pastor da AD Brás tenta silenciar youtuber sobre escândalos da igreja

O pastor afirma que a AD Brás está uma bagunça e que o bispo Samuel Ferreira faz o que quer e não segue mais nenhum protocolo.


Polícia abre inquérito contra pastora por pregação que promove racismo e LGTFobia

Karla Cordeiro deve ser ouvida pela Polícia Civil nesta quinta-feira (05).


Ap. Wesley Alves comemora 21 anos de fundação da AD Londres

A data foi comemorada com um culto de celebração na noite deste domingo (1/8), no templo sede da denominação, em Londres.