Polêmicas

Missionária diz que unge vagina de fiéis para repreender a “pomba gira”

O vídeo polêmico acabou viralizando nas redes sociais, e as declarações da missionária acabaram virando meme.

Caio Rangel | Publicado em: 11/03/21 às 11:19
Missionária diz que unge vagina de fiéis para repreender a “pomba gira”
Missionária unge genitália de mulheres (Imagem ilustrativa)

O vídeo polêmico de uma missionária baiana acabou viralizando nas redes sociais nos últimos dias. A mulher, que não teve a sua identidade revelada, confessou em uma live que unge a genitália de mulheres para repreender a “pomba gira”.

A suposta missionária também orienta às mulheres que não aguentam ficar sem sexo a sentarem em uma bacia com água, gelo e óleo ungido para consagrar o órgão genital ao “Senhor.”

A pregadora revelou que já ungiu a parte íntima de uma mulher que anda com ela, e que deitou-a no chão para ungir a sua genitália e repreender o mal.

A missionária também usa uma linguagem vulgar durante a live, dizendo que foi Deus quem mandou ela falar. Para finalizar, ela pede as seguidoras para chamarem ela no direct e marcar uma sessão de unção na vagina.

De acordo com as informações, a suposta missionária é da cidade de Itapetinga, Mesorregião do Centro-Sul Baiano.

Assista ao vídeo do canal Fala Zion:

 

Ex-pastora faz sucesso com venda de nudes na web

Ela garante que isso a transformou em uma mãe melhor, pois agora consegue conversar abertamente com os filhos sobre sexo.


Morre pastor Henrique, pai da ministra Damares Alves, aos 92 anos

O reverendo atuava como pastor na Igreja do Evangelho Quadrangular.


Pastor é suspeito de matar adolescente de 14 anos

Ela foi encontrada em uma propriedade ao lado da casa do pastor. O corpo estava com um hematoma no pescoço e uma lesão na boca.


Mesmo “imunizado”, pastor José Wellington está na UTI com Covid-19

A família divulgou um novo boletim médico com informações atualizadas sobre o estado de saúde do religioso.


Inocência provada: Marcos Pereira é absolvido pela Justiça

Durante o tempo em que passou na prisão, o pastor aproveitou para evangelizar os presos e pregar o evangelho.