Política

Deputado Otoni de Paula critica comoção por Paulo Gustavo

O parlamentar disse que o ator vale tanto quanto os mais de 400 mil brasileiros que morreram vítimas da Covid-19 e que estão querendo transformá-lo na nova Marielle Franco.

Caio Rangel | Publicado em: 07/05/21 às 9:47
Deputado Otoni de Paula critica comoção por Paulo Gustavo
Otoni de Paula e Paulo Gustavo (Reproduçao)

O deputado federal Otoni de Paula (PSC – RJ) fez duras críticas à esquerda do país e disse que estão querendo transformar o ator e humorista Paulo Gustavo na nova Marielle Franco.

Paulo Gustavo morreu na última terça-feira (4), no auge dos seus 42 anos, vítima da Covid-19. A morte do ator gerou muita comoção no país.

O parlamentar disse que a esquerda faz da morte a sua política, pois ela está acusando o presidente Jair Bolsonaro pela morte do ator, assim como o acusaram da morte de Marielle.

O deputado também chamou de “teatro” a mobilização da esquerda de querer mudar o nome da Ponte Rio Niterói, que leva o nome do Ex-Presidente da República Artur da Costa e Silva, para ponte Paulo Gustavo.

Otoni disse que o fato do Brasil ter se sentido consternado e orado pela recuperação de Paulo Gustavo, isso não faz dele um herói nacional ou um mártir.

O deputado também disse que Paulo Gustavo vale tanto quanto os mais de 400 mil brasileiros que morreram vítimas da Covid-19.

O político finalizou o seu discurso prestando sua solidariedade à família do ator, mas destacou que não vai admitir a atitude covarde da esquerda de tripudiar em cima do corpo de Paulo Gustavo, tentando fazer um palanque político.

 

CGADB lamenta morte do pastor Dário Gomes vítima da Covid-19

O líder religioso estava entubado há três semanas e não resistiu às complicações da doença.


“Causa indeterminada”, diz polícia sobre ladrão que morreu após oração de pastor

O caso aconteceu na madrugada do dia 5 de junho e o desenrolar dos acontecimentos tomou um desfecho surpreendente.


Morte do pastor Anderson do Carmo completa dois anos

O pastor foi brutalmente assassinado na madrugada de 16 de junho de 2019, na garagem de sua casa, no Rio de Janeiro.


Polícia diz que “serial killer” de Brasília tem PACTO COM O DIABO

O psicopata invadiu uma chácara no dia 9 de junho e matou a tiros e facadas um casal e dois filhos.


Cantor de dupla gospel famosa é acusado de abusar sexualmente de duas sobrinhas

O denunciado abusou por diversas vezes das menores enquanto elas ficavam em sua residência.