Vídeos

Em 2013, pastor previu que Malafaia seria conselheiro de Bolsonaro

A profecia foi feita pelo apóstolo argentino Guillermo Maldonado em 14 de agosto de 2013.

Caio Rangel | Publicado em: 24/05/21 às 13:23
Em 2013, pastor previu que Malafaia seria conselheiro de Bolsonaro

Na última semana, o pastor Silas Malafaia foi citado na na CPI da Covid-19 pelo filho do Presidente da República, o Senador Flávio Bolsonaro (Republicanos – RJ), que sugeriu que o religioso fosse convocado pela comissão por aconselhar Jair Bolsonaro quase que diariamente.

“Se querem convocar pessoas que falam com o presidente, podem convocar o Silas Malafaia. Ele fala diariamente com o presidente, influencia o presidente”, disse Flávio.

Os senadores da base aliada do governo aprovaram a sugestão do parlamentar, e Malafaia poderá ser convocado nos próximos dias.

A declaração do Senador Flávio Bolsonaro de que Silas Malafaia fala com o presidente quase todo dia, traz a memoria de uma revelação que foi feita em 2013, em que um apóstolo da Argentina profetizou que Malafaia seria o conselheiro do futuro presidente do Brasil. Para os evangélicos, este é o cumprimento da profecia.

O vídeo foi gravado em 14 de agosto de 2013, e nele o apóstolo profetiza:

“O próximo presidente desta nação, você se tornará o seu conselheiro”, declarou Maldonado, fundador do Ministerio Internacional El Rey Jesús.

Fonte site BR104.

 

CGADB lamenta morte do pastor Dário Gomes vítima da Covid-19

O líder religioso estava entubado há três semanas e não resistiu às complicações da doença.


“Causa indeterminada”, diz polícia sobre ladrão que morreu após oração de pastor

O caso aconteceu na madrugada do dia 5 de junho e o desenrolar dos acontecimentos tomou um desfecho surpreendente.


Morte do pastor Anderson do Carmo completa dois anos

O pastor foi brutalmente assassinado na madrugada de 16 de junho de 2019, na garagem de sua casa, no Rio de Janeiro.


Polícia diz que “serial killer” de Brasília tem PACTO COM O DIABO

O psicopata invadiu uma chácara no dia 9 de junho e matou a tiros e facadas um casal e dois filhos.


Cantor de dupla gospel famosa é acusado de abusar sexualmente de duas sobrinhas

O denunciado abusou por diversas vezes das menores enquanto elas ficavam em sua residência.