Pastor

Morte do pastor Anderson do Carmo completa dois anos

O pastor foi brutalmente assassinado na madrugada de 16 de junho de 2019, na garagem de sua casa, no Rio de Janeiro.

Caio Rangel | Publicado em: 16/06/21 às 11:14 Atualizado em 16/06/2021 11:18
Morte do pastor Anderson do Carmo completa dois anos
Flordelis e Anderson do Carmo (Reprodução)

No dia 16 de junho de 2019, o Brasil era surpreendido com a notícia do assassinato do pastor Anderson do Carmo, marido da cantora gospel e deputada federal Flordelis. Um crime cheio de contradições e mistérios, que envolve a própria esposa e seus filhos.

Flordelis é apontada pela Polícia Civil e pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) como sendo a autora intelectual do crime.

As investigações que têm se arrastado durante esses dois anos estão próximas de acabarem e levarem a parlamentar para a cadeia.

No último dia 8 de junho, a Comissão de Ética da Câmara dos Deputados votou pela cassação do mandato da deputada, que só não está presa porque tem imunidade parlamentar.

A decisão agora irá passar pela análise do plenário da Câmara. São necessários 257 votos – a maioria absoluta dos deputados – para a cassação de um mandato parlamentar.

De acordo com as informações da Agência Brasil, a deputada responde por “homicídio triplamente qualificado (por emprego de meio cruel, motivo torpe e usar recursos que impediram a defesa da vítima), tentativa de homicídio, associação criminosa e uso de documento falso”.

Flordelis alega inocência, e como último recurso, afirma que a sua filha biológica Simone dos Santos planejou a morte de Anderson, porque estava sendo assediada sexualmente pelo pastor.

Os filhos biológicos da parlamentar, Simone dos Santos e Flávio dos Santos, estão presos. Além deles, mais seis filhos de Flordelis e uma neta estão presos, acusados de envolvimento na morte de Anderson.

De acordo com as investigações, a trama para matar o pastor tinha sido iniciada em outubro de 2018. Existe uma suspeita de que o pastor vinha sendo envenenado desde esse ano.

A filha adotiva Roberta dos Santos disse em seu depoimento que todos da casa sabiam que eram dados remédios a Anderson, mas acreditava que ele não sabia, pois todas as vezes passava mal.

Ela também revelou que a irmã Marzy era quem colocava remédios ou veneno na comida de Anderson a mando de Flordelis.

Foram anexados ao processo cinco boletins de atendimento hospitalar, prestados ao pastor Anderson do Carmo, a maioria em 2018.

 

 

Pastor Alexandre Silva prepara caravana para viagem à Israel

O líder da TDM Church, em Massachusetts, se referiu à cidade de Jerusalém como a capital espiritual do planeta terra.


Segundo juiz, Valdemiro Santiago recebeu quantia milionária da Igreja Mundial

Só no ano de 2020, a igreja repassou mais de R$ 1,2 milhão para o religioso.


Com câncer, Pr. Cláudio Claro está internado em estado grave

O religioso que é líder do Ministério Tabernáculo de Davi precisa urgente de transfusões de sangue de qualquer tipo.


Pastor da Igreja Atitude, esposa e filha morrem em grave acidente

A única sobrevivente foi a filha mais velha do casal, de 10 anos.


Revelação tenebrosa sobre Leonardo Sale e Paulo Neto circula na web

O youtuber Feliciano Lima afirma que mais escândalos estão prestes a acontecer no meio do povo evangélico.