Se torne assinante premium e tenha acesso a conteúdo exclusivo.
 
Pastor

Pastor que chamou Bolsonaro de “frouxo” grava vídeo pedindo perdão

Após criticar o presidente pela nota presidencial, o pastor chorou pedindo perdão e recebeu o apoio de Magno Malta.

Caio Rangel | Publicado em: 14/09/21 às 9:57 Atualizado em 14/09/2021 09:58
Pastor que chamou Bolsonaro de “frouxo” grava vídeo pedindo perdão
Pastor Jackson Vilar (Reprodução)

O pastor bolsonarista Jackson Vilar se arrependeu do seu desabafo contra o presidente da República Jair Bolsonaro.

O religioso, que foi um dos organizadores da motociata Acelera para Cristo em São Paulo, havia gravado um vídeo afirmando que o presidente tinha traído “os motociclistas e os caminheiros” e chamando o chefe do Executivo de “frouxo”, “covarde” e “louco”.

A revolta do pastor se deu após a publicação da nota presidencial na qual o chefe do Executivo sinaliza um recuo e levanta uma bandeira branca para o STF.

Após a repercussão negativa entre o núcleo evangélico bolsonarista, Jackson Vilar voltou atrás e gravou outro vídeo “chorando” e pedindo desculpas ao presidente.

Vilar disse que na hora não entendeu nada e acabou falando besteira. Ele havia criticado duramente Bolsonaro no dia 8 de setembro, um dia depois das manifestações.

O seu pedido de perdão foi compartilhado pelo ex-senador Magno Malta, fiel aliado de Bolsonaro, que marcou o presidente no post e parabenizou Jackson por se arrepender e pedir perdão.

Minha pergunta é , quem não viveu um luto no dia 8 antes de tomar conhecimento da atitude de grandeza do @jairmessiasbolsonaro em manter a paz e o equilíbrio dos poderes no país ?? Quem não teve seu momento de indignação que atire a primeira pedra ..! Parabéns pela grandeza patriota Jakson Villar !!”, escreveu Magno Malta.

Assista ao vídeo.

 

Danielle Cristina: Álbum “Fidelidade” chega a 10 milhões nas plataformas digitais

O álbum foi lançado em 2009, mas ainda hoje faz muito sucesso como um dos melhores discos do segmento pentecostal.


Pastora é assassinada por ex-presidiário que ela estava evangelizando

O acusado tem uma extensa ficha criminal, e responde por diversos crimes.


Assembleia de Deus adia despedida do pastor Daniel Nunes

Segundo informações da denominação, o objetivo do culto é agradecer a Deus pela vida e pelo tempo de ministério do pastor.


Igreja evangélica causa polêmica ao anunciar rifa de espingarda calibre 12

Além da espingarda, um registro CAC (Colecionador, Atirador e Caçador) também está sendo sorteado.


Leonardo Gonçalves diz que Bancada Evangélica poderá se aliar a Lula

O cantor gospel disse que a Bancada Evangélica é o "Centrão", e que ela irá se aliar ao "poder", independente de quem vença.