Se torne assinante premium e tenha acesso a conteúdo exclusivo.
 
Igreja

Confusão e pancadaria na eleição do novo presidente da AD Manaus

A eleição aconteceu neste domingo (10), após a renúncia do pastor Gedeão Granjeiro, acusado de ter cometido adultério.

Caio Rangel | Publicado em: 11/07/22 às 9:46 Atualizado em 11/07/2022 10:12
Confusão e pancadaria na eleição do novo presidente da AD Manaus
Confusão na eleição de presidente da AD Manaus (Reprodução)

A eleição para escolher o novo presidente da Assembleia de Deus Tradicional, no Estado do Amazonas, terminou em muita confusão, e até em agressão física, neste domingo (10/07).

O pastor Gedeão Granjeiro renunciou o cargo após ter sido acusado por um fiel de ter cometido adultério. Porém, ele escolheu um pastor de sua confiança para disputar a eleição.

De acordo com o portal Assembleianos de Valor, o irmão do pastor Gedeão Granjeiro iniciou uma briga e agrediu alguns fieis porque o candidato do seu irmão perdeu a eleição.

Trata-se do cardiologista Dr. Marcus Granjeiro, que é pré-candidato a deputado estadual. Insatisfeito com o resultado, ele passou a agredir algumas pessoas, segundo relatos de uma testemunha.

Após perceber que estava sendo filmado por alguns fieis, Marcus acabou iniciando uma confusão generalizada. Para acalmar os ânimos, foi preciso a chegada da Polícia Militar.

A Assembleia Geral Ordinária precisou ser suspensa e uma nova data para a posse do novo presidente será anunciada.

Renúncia do pastor Gedeão Granjeiro

Na última semana de junho, viralizou na internet um vídeo onde um fiel acusa o pastor de adultério durante o culto do dia 20 daquele mês. Ele sobe no altar, mas é impedido de falar, então usa o alto falante de corneta e faz as denúncias.

De acordo com o fiel que não foi identificado, o religioso mantinha um caso extraconjugal com uma mulher há pelo menos 5 anos.

Após a repercussão do vídeo, o pastor Gedeão se pronunciou por meio de um comunicado. Em nota, o líder religioso anunciou a sua renúncia à presidência da CEADTAM.

“Comunico-vos que, a partir desta data, de maneira irretratável estou renunciando a presidência da Convenção estadual da Assembleia de Deus tradicional do Amazonas. É ato contínuo o meu desligamento da mesma. Peço-vos perdão se não correspondi em algum momento a expectativa legítima de todos os honrados membros desta querida convenção”, destacou Gedeão Granjeiro.

 

Abílio Santana: “Especialista em barrar projetos contra a igreja e a família brasileira”

O pastor da Assembleia de Deus de Madureira tem 57 anos e é candidato à reeleição pelo PSC (Partido Social Cristão).


AD Brás anuncia nova data para Frente Jovem CORAFESP 2022

A Frente Jovem do CORAFESP 2022 será realizada no dia 1º de outubro, na Sede AD Brás. As inscrições já começaram.


“Lula é tão ladrão que quer roubar minha candidatura”, diz Pablo Marçal

Marçal revelou que os atuais dirigentes do Pros estão querendo cancelar sua candidatura para dar o fundo eleitoral ao PT.


Cantora gospel sai da igreja, muda de nome e vira rainha da sofrência

A artista já conta com mais de 20 mil seguidores no Instagram.


ADSA Brasil realiza batismo nas águas seguido de Santa Ceia

A cerimônia ocorreu horas antes do culto de Santa Ceia, onde os novos membros puderam participar pela primeira vez.