Pastor

Felipe Heiderich, ex-de Bianca Toledo é inocentado de todas as acusações

Bianca Toledo acusou Felipe Heiderich em 2016, de haver molestado seu filho, uma criança que na época tinha cerca de 5 anos de idade.

Micael Batista | Publicado em: 08/04/19 às 18:20
Felipe Heiderich, ex-de Bianca Toledo é inocentado de todas as acusações
Felipe Heiderich e Bianca Toledo (Reprodução)

O pastor Felipe Heiderich, ex-marido da também pastora Bianca Toledo, foi inocentado da acusação de estupro de vulnerável, no processo número 0208400-55.2016.8.19.0001 que tramita em segredo de justiça desde 2016.

O juiz Tiago Fernandes de Barros, da 17ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, julgou improcedente a pretensão punitiva. Portanto, ele absolveu o réu Felipe Garcia Heiderich Segundo, considerando-o inocente de todas as acusações.

A notícia foi celebrada pelo pastor no fim da tarde desta segunda-feira (08), através de uma série de postagens em sua conta no Instagram.

 

View this post on Instagram

 

Declarado: ABSOLUTAMENTE INOCENTE

A post shared by Felipe Heiderich (@felipeheiderich) on

Entenda o caso

Em 2016, o mundo gospel foi surpreendido com a notícia de que Bianca Toledo havia decidido abrir o jogo sobre um drama familiar.

Ela contou que seu marido, à época, o pastor Felipe Heiderich, havia molestado sexualmente o seu filho.

Tratava-se de uma criança, um menino, que tinha cerca de 5 anos. Ele era fruto do primeiro casamento de Bianca.

Bianca gravou uma série de vídeos, e o caso foi parar na polícia. A justiça decretou a prisão preventiva de Felipe, e o pastor foi preso em Bangú. No entanto, ele acabou ficando em uma sela isolado dos outros presos.

Dias depois, por falta de provas, ele acabou liberado e desde então aguardava o julgamento em liberdade.

Só mais tarde, depois que foi posto em liberdade, a imprensa soube da versão contada por Felipe. Ele contou que havia sido internado numa clinica psiquiátrica, sem seu consentimento, por Bianca.

Ela chegou a dizer que ele era homossexual e satanista, acusação que inclusive, lhe rendeu o processo 0040957-37.2016.8.19.020. Ela foi acusada de causar dano moral e material, à Mônica Santina Pereira Buonfiglio, autora do livro “A magia dos Anjos Cabalísticos”.

Porém, ela acabou sendo inocentada em fevereiro deste ano.

Quanto a Felipe Heiderich, aguarda-se que nos próximos dias ele venha a publicar um vídeo ou se manifestar a respeito do que passou nos últimos meses. Em resumo, intercessores e amigos aguardam ansiosos pelo seu retorno.

 

Após deixar o gospel, Priscilla Alcantara desabafa: “Meu rótulo é livre”

Após algumas críticas pela sua transição, a cantora postou um desabafo em seu perfil do Instagram.


Isadora Pompeo se curva à Globo e grava clipe com Luan Santana

De acordo com informações, a gravação foi feita para a 36ª edição do Criança Esperança.


Pastor da AD Brás tenta silenciar youtuber sobre escândalos da igreja

O pastor afirma que a AD Brás está uma bagunça e que o bispo Samuel Ferreira faz o que quer e não segue mais nenhum protocolo.


Polícia abre inquérito contra pastora por pregação que promove racismo e LGTFobia

Karla Cordeiro deve ser ouvida pela Polícia Civil nesta quinta-feira (05).


Ap. Wesley Alves comemora 21 anos de fundação da AD Londres

A data foi comemorada com um culto de celebração na noite deste domingo (1/8), no templo sede da denominação, em Londres.