No Gideões, Bolsonaro faz campanha e recebe apoio de evangélicos

NO fim, ele recebeu uma orações de dezenas de pastores


2 anos atrás | Redação



Bolsonaro no Gideões (Reprodução)

O Gideões recebeu neste Domingo (29), a presença do deputado federal e candidato a presidência da república, Jair Bolsonaro (PSL-RJ).
Depois de um sábado marcado pela visita do também deputado, Cabo Daciolo (PEN-RJ), que constrangeu Reuel Bernardino durante sua fala no altar, agora foi a vez de Bolsonaro usar os microfones do Gideões para se apresentar ao povo evangélico.
Bolsonaro falou durante cerca de 15 minutos, e se mostrou bastante metódico em sua fala, evitou trilhar por terrenos que desagradassem os presentes, mas não deixou de mostrar sua principal proposta de campanha para esse público; defender os valores da família.
Bolsonaro se posicionou contra a ideologia de gênero, argumentou sobre a lei da palmada e falou que além de ter nascido em um lar católico, frequentou a igreja Batista por muitos anos.

+ Malafaia recusa convite de Reuel e não pregará no Gideões 2018

O deputado também falou do relacionamento com sua esposa, que é evangélica, e reconheceu que não vai a igreja o quanto deveria.
Ovacionado pelo público, o candidato até recebeu uma oração no fim de sua fala.

Bolsonaro com a palavra no Gideões

                                                                 Bolsonaro com a palavra no Gideões




publicidade

Mais artigos

É mole? Flordelis pode ganhar R$2 milhões com história da morte do marido

Uma produtora americana teria oferecido U$$ 400 mil dólares pela história


A dura punição da Deus é Amor contra o pastor que agrediu a esposa ao vivo

Em um vídeo, o pastor David Miranda Neto falou sobre o caso, e reforçou o repúdio ao que fez o tal pastor.


Pastor que agrediu esposa ao vivo pode ser preso a qualquer momento

O pastor pode ser enquadrado na Lei Maria da Penha por violência psicológica


Maior ladrão de banco do país vivia como pastor evangélico

Ele foi preso essa semana após uma operação integrada das policias Militar e Civil, na cidade de Tajupá, no interior de São Paulo.


RR Soares “dedura” Eduardo Bolsonaro à Polícia Federal

O depoimento faz parte do inquérito que apura o financiamento dos atos antidemocráticos.


Deputado Otoni de Paula sobre cassinos; “Não posso negociar meus valores”

A aprovação do projeto é do interesse do presidente Jair Bolsonaro


Pastor que agrediu a esposa ao vivo pede perdão

- Eu quero aqui publicamente pedir perdão a minha esposa. - falou ele a ela, que ficou o tempo todo de cabeça baixa.


Sem saber que estava ao vivo, pastor agride a esposa em live

O pastor costuma fazer lives religiosas, com leituras da bíblia e profecias que normalmente atraem um número razoável de pessoas.


Lembra da profecia de Daciolo sobre o Gideões? Com medo de morrer, pastor teria pedido perdão

Daciolo teria o perdoado e orado com ele.


Saiba quem é o pastor que foi encontrado morto em casa de prostituição

O pastor estava na cidade para inaugurar um templo