Se torne assinante premium e tenha acesso a conteúdo exclusivo.
 
Crime

Assassino da mãe de Delino Marçal passará por exames de “insanidade mental”

Segundo o Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), o jovem deve passar por uma perícia, para realizar os exames de insanidade mental.

Roger Nunes | Publicado em: 09/03/22 às 16:47 Atualizado em 10/03/2022 15:51
Assassino da mãe de Delino Marçal passará por exames de “insanidade mental”
Delino Marsal e sua mãe (Reprodução)

O processo sobre a morte da mãe do cantor gospel Delino Marçal foi suspenso após um “incidente de insanidade mental”. De acordo com o Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), o assassino da religiosa, Matheus Macaubas Lima Santos, de 22 anos, deve passar por uma perícia.

Matheus foi indiciado por espancar até a morte a pastora Odete Rosalina Machado da Costa, de 79 anos, na porta de uma igreja em Goiânia.

Relembre o caso

Matheus teria se envolvido em uma briga com parentes e saído pelas ruas. Ele encontrou uma igreja e iniciou uma briga com um homem.

Em seguida, ele atacou a pastora Odete com vários golpes, usando um objeto de metal. A religiosa tentou pedir ajuda, mas faleceu no lugar.

Matheus foi encontrado totalmente nu atacando pedras em um ônibus a poucos metros de onde tinha matado a pastora. Ele foi preso em flagrante.

 

Erramos: Filho de prefeita não viu Isadora Pompeo com cigarro em camarim

Publicamos que a cantora teria sido flagrada fumando cigarro eletrônico antes de show


Pastor da ADVEC manda indireta para fiel em culto: “Pilantra e fofoqueira”

O pastor Davi Leal, líder da ADVEC Recreio (RJ), usou o púlpito da igreja para desabafar e defender a sua honra após acusações.


Deive Leonardo se apresenta no Rio com ingressos esgotados

Em junho, Deive se apresenta em Goiás, Curitiba, São Paulo e Porto Alegre.


Organizadores do evento desmentem Jessé Aguiar

“Maior mentira contada nos últimos tempos! Mude suas atitudes e seja homem Jessé Aguiar!”, disse um dos organizadores do evento em Pernambuco.


Igreja Batista se solidariza com casal gay discriminado em igreja evangélica de Aracaju

O casal que frequentava a Igreja Família Renovada há dois anos, foi impedido de ser batizado, após ter realizado o curso batismal.