Se torne assinante premium e tenha acesso a conteúdo exclusivo.
 
Pastor

Pastor Ailton critica novas músicas gospel: “Meu Deus, é só desabafo”

O líder assembleiano criticou os louvores que são criados sem nenhuma finalidade de exaltar a Deus.

Caio Rangel | Publicado em: 11/06/22 às 10:46
Pastor Ailton critica novas músicas gospel: “Meu Deus, é só desabafo”
Pastor Ailton José Alves (Reprodução)

Mais um vídeo de uma crítica do pastor Ailton José Alves, presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE), ganha repercussão nas redes sociais.

Em um culto de doutrina, o líder assembleiano criticou os louvores que são criados sem nenhuma finalidade de exaltar a Deus e sim ao homem.

Na ocasião, o pastor fez um convite à genuína adoração e questionou sobre os cantores atuais que fazem músicas cristãs com tom de desabafo.

“Hoje, escrever um hino é a coisa mas fácil que tem. É só começar, querem que eu comecem? Você está no deserto em aflição, angústia e tribulação, não se preocupe, Deus vai te dar vitória, vai mandar Gabriel, Miguel e Serafins. Pronto, está um hino. Minha gente, isso não é composição que adore e enaltece. Ou se não, se joga uma pedra em você, você construa um castelo. Eu digo: Meu Deus, é só desabafo. Que Deus nos ajude, irmãos. Vamos exaltar o Senhor, Criador de todas coisas. Reconhecer os atributos de Deus”, falou.

 

Turnê Humanos do Oficina G3 inicia dia 29 de setembro

Considerada uma das maiores bandas de rock do Brasil, Oficina G3 estava em período sabático há cinco anos.


Isa Reis desabafa e xinga youtubers que a perseguem: “Vagabundos”

De acordo com a pregadora, desde 2013, ela sofre com ataques na internet por parte de alguns youtubers.


Assembleia de Deus em Sergipe não terá candidatos oficiais nas eleições 2022

A Assembleia de Deus João Alves Filho tem como presidente o pastor Lorival Carlos Meneses.


Cantor gospel J. Neto é candidato a deputado federal por Pernambuco

O artista se filiou ao AVANTE, e irá concorrer a uma vaga na Câmara Federal, nas eleições de outubro.


Fiel é agredida por pastora e obreiros da I.E Avivamento em Cristo (SP)

A confusão aconteceu na porta da casa da mulher, em frente à igreja. Ela gravou tudo e publicou em suas redes sociais.